Cosméticos naturais são mais seguros

Substâncias tóxicas presentes nos cosméticos convencionais fazem mal para a pele, os cabelos e a saúde. Saiba como evitar.

Redação NBE

Redação NBE

19/06/2024
Cosméticos naturais são mais seguros AdobeStock/NBE

3 min de leitura

A professora, Ana Maria Tremarin Balbinot costumava levar para a feira de ciências da escola temas como plantas medicinais e confecção de sabões naturais.

Depois de trabalhar durante 36 anos, na rede estadual e municipal de Educação, a bióloga se aposentou e pode se dedicar de forma mais exclusiva pra o que mais gostava. Criou a marca Aromatibus em 2012 e passou a pesquisar e compartilhar informações sobre a saboaria natural no mundo.

Foi uma das pioneiras no Brasil na elaboração de shampoo sólido, com o objetivo ecológico e de saúde: evitar as embalagens plásticas e o uso de conservantes tóxicos.

Para ela, o conceito de beleza está intrinsecamente ligado à autoestima, saúde, bem estar e a estar em contato com a natureza. Isto exclui a maioria dos cosméticos, geralmente feitos à base de óleo mineral e produtos químicos tóxicos para a pele a e para saúde. “Substâncias tóxicas são absorvidas pela pele e entram na corrente sanguínea, gerando doenças e promovendo uma toxidade cumulativa”, explica.

Entre as substâncias tóxicas mais conhecidas e presentes nos cosméticos convencionais estão óleo mineral, parabenos, ftalatos, propilenoglicol, lauril sulfato de sódio, alumínio e chumbo.

Alternativas naturais

Todos estes produtos tóxicos são substituíveis produtos naturais, com excelente desempenho, ainda que em alguns casos seja preciso estar disposta(o) a pagar a mais pela qualidade do produto. A bióloga Ana Balbinot compartilha algumas dicas:

  • Ao invés de derivados de petróleo, usa-se os óleos vegetais (óleo de coco, óleo de amêndoas, de semente de uva, de jojoba, de gergelim, de argan, entre outros).
  • As ceras vegetais podem ser de carnaúba (para veganos) ou ceras de abelhas para produtos que exigem maior consistência.
  • Para substituir as essências sintéticas, temos os aromas dos óleos essenciais.
  • Desodorantes à base de bicarbonato de sódio ou de hidróxido de magnésio resultam num produto com potente antiodor.

Confiança na hora da compra

Como fica difícil para os leigos identificar a presença de substâncias tóxicas em cosméticos e materiais de limpeza, o melhor é comprar em locais que tenham este tipo de cuidado.

Em Porto Alegre, a loja Banana Verde há 10 anos vem incrementando suas linhas de produtos que hoje já contêm milhares de itens.

"A gente trabalha com foco em produtos naturais. Alguns são orgânicos. Nenhum deles é testado em animais. Fazemos uma curadoria de todos os produtos que entram na loja. Assim, são excluídas as essências sintéticas ou petroquímicas . Alguns produtos têm própolis ou mel. A gente tem todo este cuidado. Por vezes numa mesma marca restringimos alguns produtos", explica Renata Pfau, sócia proprietária da Banana Verde.

Bióloga e autodidata em cosméticos naturais, Renata constata que existem poucas linhas de produtos para o público infantil, justamente os seres de pele mais sensível. “Também estamos atentos para parte dos produtos veganos que não são testados em animais ou possuem substâncias de origem animal, mas não necessariamente são naturais”, observa.

Banana Verde

Consciente da importância do uso dos cosméticos naturais, Renata convida: “na loja, damos assessoria para os clientes. Faz muita diferença termos esta loja física. Aqui os clientes podem vir e conversar. Numa loja virtual não tem como dar um atendimento especializado como podemos dar aqui”.

Confira as substâncias tóxicas mais comuns nos cosméticos e produtos de limpeza e qual a sua nocividade para a saúde e para o meio ambiente:

Compartilhe

Redação NBE

Redação NBE

Nosso Bem Estar é uma rede de mídias com o propósito de ajudar você a viver bem, de forma natural, saudável e justa.

Também pode te interessar

blog photo

Conheça os benefícios do Thetahealing

Técnica terapêutica energética criada há quase trinta anos, o Thetahealing atua identificando e transformando crenças limitantes, além de trabalhar sentimentos e auxiliar na resolução de problemas

Redação NBE

Redação NBE

blog photo

Receitas práticas para a longevidade

O Nosso Bem recebeu de parceiros boas receitas para uma longevidade saudável e feliz, que compartilhamos aqui com nossos leitores

Redação NBE

Redação NBE

blog photo

O cérebro não sabe a idade que ele tem

Não se assuste com a idade! O cérebro consegue manter a plasticidade e a capacidade de aprender desde que a pessoa tenha otimismo e disciplina para se manter disposta a isso

Redação NBE

Redação NBE

simbolo Bem Estar

Receba conteúdos que te inspiram a viver bem

Assine nossa newsletter e ganhe um universo de bem-estar direto no seu e-mail