Bem-vindo ao Nosso Bem Estar!
Para acessar toda positividade de nosso conteúdo, escolha o portal mais próximo a você.

Saúde Integral

14/01/2016 08h45

Cuidados após os 60 anos

Quer passar dos sessenta e continuar vivendo bem, feliz e, acima de tudo, com saúde? Confira as nossas dicas.

Por Nosso Bem Estar

Arquivo Nosso Bem Estar
60 1

Tomando os números como base, pode-se ter a noção de que ainda há muito para viver após atingirem-se os 60 anos de idade.

No ano de 2013, o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) realizou uma pesquisa que mostrava uma tendência do envelhecimento no Brasil. Atualmente o número de pessoas no país com mais de 60 anos de idade é de 13%, ou seja, cerca 26 milhões de brasileiros. Ainda segundo estimativas do IBGE, em 2060, a expectativa de vida no Brasil deve saltar dos 75 para os 81 anos de vida.

Tomando os números como base, pode-se ter a noção de que ainda há muito para viver após atingirem-se os 60 anos de idade. Porém, ao chegar oficialmente à terceira idade, alguns cuidados são necessários para garantir que esses anos sejam agradáveis, divertidos, proveitosos, e o melhor de tudo, prazerosos.

Novas atividades podem ser estimuladas bem como antigas devem ser mantidas. Confira a seguir alguns passos para quem já chegou na melhor idade, mas ainda quer viver bem e muito mais.

Exames e visitas médicas em dia

Existe a história de que pessoas da terceira idade possuem saúde debilitada, mas nem sempre isso é verdade. Há muita gente ativa e com saúde de ferro por aí estando na melhor idade, porém não se pode dar sorte para o azar. Consultar seu médio e realizar exames de rotinas devem ser itens a serem cumpridos a cada seis meses para garantir que está tudo em ordem e prevenir qualquer tipo de problema.

Alimentação saudável

A alimentação saudável é importante em todas as etapas da vida, porém, ao passar os 60 anos de idade, o corpo precisa repor alguns nutrientes. No caso dos idosos, os mais importantes são as vitaminas e o cálcio, que vão se perdendo ao longo do tempo. Contar com um nutricionista para ajudar a balancear esses nutrientes pode fazer toda a diferença na sua qualidade de vida.

Atividade física

Já é comprovado que atividade física melhora saúde e humor, sendo assim, a turma da melhor idade não pode ficar de fora. Caminhadas 3 vezes por semana, natação, hidroginástica e até mesmo musculação são ótimos exercícios, pois causam pouco impacto às articulações, estimulam a musculatura e auxiliam na retenção do cálcio, diminuindo, assim, a perda de massa óssea. Seja qual for a atividade física praticada, é essencial que ela seja orientada por um profissional de educação física.

Não pare de trabalhar

É comum pessoas passarem os 60 anos e se aposentarem. Descansar é preciso, mas muitas pessoas se aposentam e ainda possuem saúde física e psicológica, dessa forma, o trabalho ainda pode ser realizado com qualidade. Manter-se trabalhando ajuda o idoso a se sentir parte da sociedade, além de evitar o tédio, a baixa autoestima e a depressão.

Aprenda algo novo

Idosos geralmente dispõem de tempo, e para não ficar parado, aprender algo novo é mais do que importante para a saúde mental. Pode ser um novo idioma, como inglês ou espanhol, aulas de pintura ou desenho e até mesmo de dança. Essas atividades estimulam o cérebro e a coordenação motora e são grandes aliadas na manutenção da saúde.

Conheça novos lugares

Conhecer novos lugares, culturas e realizar sonhos antigos devem ser estimulados, pois ajuda na sensação de alegria e bem-estar, o que, consequentemente, só traz benefícios físicos e psicológicos aos idosos.

Envelhecer não é sinônimo de ficar à toa em casa, muito pelo contrário. Ao passar dos 60 anos, é importante se mexer, se divertir e sentir prazer. Não é por acaso que a terceira idade é chamada de “a melhor idade”.

E aí? Gostou do texto? Achou as informações e dicas relevantes? Compartilhe e deixe um comentário para gente.

 

X