Bem-vindo ao Nosso Bem Estar!
Para acessar toda positividade de nosso conteúdo, escolha o portal mais próximo a você.

Beleza

17/02/2014 09h30

Um milagre chamado babosa!

Planta medicinal traz benefícios inacreditáveis para sua saúde e beleza

Por Nosso Bem Estar

MATKA WARIATKA/ ISTOCKPHOTO/ NBE
Matka wariatka istockphoto nbe

Poderoso composto vitamínico era o segredo de beleza de Cleópatra!

Desde os primórdios das civilizações humanas, ela já era conhecida pelo seu efeito regenerador de todos os tecidos do nosso corpo. Dizem que a babosa (ou Aloe Vera, seu nome científico) já foi chamada de “dádiva da humanidade” e era o grande segredo de beleza da rainha egípcia Cleópatra. Hoje os seus benefícios estão comprovados: renovação celular, hidratação, é bactericida, anti-inflamatório, cicatrizante e um poderoso composto vitamínico.

A planta é utilizada nos cabelos e na pele por suas propriedades regenerativas, e costuma compor fórmulas de cremes, loções, pomadas, gel contra queimaduras de sol e loções bronzeadoras. Embora diversos produtos no mercado a contenham em sua composição, o efeito é acentuado quando ela é utilizada in natura, no momento em que seu gel é extraído das folhas.

Pode ser utilizada tanto em forma de suco como em uso tópico direto. Seus benefícios vão desde o alívio para cravos e espinhas até o tratamento eficaz de estrias, queimaduras e lesões na pele. 

Super poderes

A babosa (Aloe Vera) é uma planta com várias propriedades medicinais: antibacteriana, anti-inflamatória, antifúngica, emoliente, hepática, laxativa, purgante, rejuvenescedora, vermífugo, lubrificante, umectante, anestésica, antibiótica, desintoxicante, coagulante e digestiva.

Dos 23 aminoácidos fundamentais para o desenvolvimento do nosso organismo, a babosa contém 18, que são essenciais à formação de proteínas. Assim, ela auxilia a renovação dos tecidos e células, elimina as antigas e evita o envelhecimento precoce, reduzindo as rugas e marcas de expressão.

Contém vitaminas A, C, E, B1, B2, B3, B6, B12 e B13 e ainda conta com mais de vinte minerais. Tudo isso faz com que a babosa seja conhecida como a planta da saúde e da beleza, pois seus benefícios vão além da questão estética, com propriedades curativas e nutritivas.

Essa riqueza de nutrientes é que confere à babosa um enorme poder de cura, sobretudo em doenças imunológicas. Ela previne quase todas as enfermidades, pois renova todo o sistema imunológico. Inclusive há estudos sobre seus benefícios no tratamento do câncer e do HIV.

Pelo ayurveda

Para o Ayurveda, a Aloé Verá (latim) é a Kumari (sânscrito), que quer dizer “mulher forte”. Segundo a terapeuta ayurvédica Gisele de Menezes, na herbologia dessa medicina ela é considerada benéfica para todos os tecidos, e as aplicações são muitas.

O ayuveda tem uma máxima que diz que tudo na natureza é medicamento e tudo é veneno, o efeito, seja positivo ou negativo, se dá de acordo com o preparo e principalmente a dose. “Acho importante ressaltar que é totalmente contra indicada para períodos de gestação, pois pode ser abortiva e muito tóxica”, afirma Gisele.

A Kumari é usada nas seguintes indicações:

Sistemas: Circulatório, reprodutor feminino, digestório, nervoso, excretor.

Ação: Em pequenas doses tônico-estomacal; grandes doses-purgante, emenagoga, anti-helmíntico, laxante, refrescante, tônico amargo, rejuvenescedor. Digestivo, adstringente; caules, frutos, flores-amargas, expectorante, febrífugo.

Precaução: Não use nenhuma preparação em grávidas.

Receita para sua beleza

Para utilizar a babosa como hidratante capilar, basta cortar a folha do início ao fim, raspar a polpa com seu gel e aplicá-la diretamente nos fios. Então deixe agir por 20 minutos. Quando o período terminar, durante o enxágue massageie suavemente os fios para que as propriedades da babosa continuem sendo absorvidas. Lave o cabelo e seque-o normalmente. Repita o procedimento uma vez por semana e notará que os fios crescerão com facilidade e ficarão mais fortes.

Já se desejar usar a babosa como hidratante corporal, basta colocar a polpa e o gel das folhas num liquidificador juntamente com 3 colheres de sopa de mel e 5 colheres de iogurte natural. Bata e armazene na geladeira num pote com tampa por até três dias (após este período não estará mais próprio para uso). Aplique após o banho.

Outras dicas

- Queimaduras profundas tratadas com esta planta, algumas vezes, conseguem evoluir para uma queimadura de menor grau em poucos dias

- Ajuda ainda a combater a caspa, psoríase, hanseníase, etc.

- Previne rugas hidratando peles ressecadas e flácidas

- Aplicada como loção pós barba, é ótimo suavizante para a pele

- Também é útil para o tratamento de cortes e feridas, acne, coceiras, manchas na pele, picadas de insetos, dores musculares, problemas digestivos, artrite, sinusite e asma

Atenção!

Como os seus componentes têm propriedades emenagogos (que aumentam o fluxo sanguíneo), não deve ser usada durante a gravidez. Em doses altas, a Aloe Vera pode provocar vômitos e se transformar num purgativo drástico, sendo totalmente desaconselhável seu uso em crianças, onde os efeitos colaterais podem ser potencializados. O uso também não é recomendado em casos de varizes, hemorróidas, afecções renais, enterocolites, apendicites, prostatites e cistites.

Fontes: Mundo Mulheres - www.mundomulheres.com, Benefícios Naturais – www.beneficiosnaturais.com.br, Blog Vida Cheia de Saúde - www.vidacheiadesaude.blogspot.com

X