Bem-vindo ao Nosso Bem Estar!
Para acessar toda positividade de nosso conteúdo, escolha o portal mais próximo a você.

Planeta

30/11/2017 10h30

Por que bambu?

Conheça as mil e uma formas de utilização deste fantástico material, sustentável por natureza.

Por Mateus Bagetti e Vilmar Bagetti

Depositphotos | Pixabay
M32 bamboo construction

Sustentável e multiuso

Conhecido e utilizado pelo homem há muitos séculos, o bambu ressurgi no cenário mundial acenando com possibilidades múltiplas. Entre elas destaca-se seu uso na construção, decoração e alimentação – o que o torna uma atividade agrícola rentável, mas, com certeza, é sua contribuição no equilíbrio ambiental que o torna tão diferenciado enquanto recurso natural.

Em tempos de busca de alternativas sustentáveis em prol de frear ou até mesmo reduzir as consequências do aquecimento global, a produção e uso do bambu, nas mais diversas áreas, é uma possibilidade real mas ainda pouco explorada. Segundo Luiz Fernando Andrade Oliveira isso se dá porque em nossa sociedade seu uso está associado a construções simples, improvisadas ou de curta duração, seu uso é mais conhecido na decoração. Mas ao contrário do que se pensa, o bambu é uma madeira, embora a planta não seja uma árvore, mas uma gramínea.

É essa “ambiguidade” do bambu que o torna tão especial. Por um lado, por ser uma gramínea seu ciclo de desenvolvimento é rápido e pouco exigente quanto ao solo e ao clima, além de, por ser uma planta perene, permitir colheitas sem replantio. Por outro lado, embora uma gramínea, ele produz madeira, a partir de uma fibra de grande resistência mecânica o que lhe permite ser usado inclusive na construção civil e na fabricação de móveis.

No cenário ambiental, além de ser uma alternativa que substitua o corte indiscriminado de florestas, ele é a planta com maior capacidade de absorção de gás carbônico atmosférico, apresentando grande potencial no combate ao “apagão florestal” e obtenção de “créditos de carbono”.

Assim, neste artigo, buscamos contextualizar o bambu e suas potencialidades na atualidade e também responder a outras questões: Quais os principais usos comerciais? Qual sua relação entre plantio e meio ambiente? Quais as vantagens diretas para a agricultura?

Há uma diversidade de espécies de bambu, em torno de 1.300, das quais 50 são comerciais e sua produtividade é equivalente/superior ao eucalipto. Entre os principais usos comerciais, destaca-se:

Decoração:

É utilizado na fabricação de diversos móveis, pisos, laminados, persianas, luminárias e artesanato em geral.

Construção:

Na construção civil, o bambu pode ser utilizado como material de apoio, a exemplo de andaimes e esquadrias, ou em substituição a madeira para fazer casas, edificações, templos, galpões, pontes, cercas e carrocerias.

Utensílios:

Entre os utensílios que podem ser fabricados destacam-se os instrumentos musicais, talheres, ferramentas, brinquedos, espetos, palitos, molduras, suportes, escadas, pergolados, sacadas.

Na agricultura o bambu serve para a composição de Sistemas Agroflorestais, atua como quebra-vento para plantações, pode ser suporte para cultivo de flores, hortaliças e frutas diversas. Pode ser sombreamento em viveiros, tubos para irrigação ou drenagem, construção de casas, galpões, pontes, cercas, carroças, balsas, produção de lenha ou carvão e alimento para o gado (folhagem).

Além disso, há uma relação entre o plantio e o meio ambiente, pois serve para a proteção de corpos d’água – mata ciliar, proteção do solo contra a erosão, contenção de encostas e paisagismo, recuperação de solo degradado – aumento do teor de umidade e de matéria orgânica, e habitat e refúgio da fauna local.

Quanto às vantagens diretas ao produtor, a produção agrícola é de baixo custo e há um retorno do investimento em curto prazo, seu ciclo cultural é de 2 a 6 anos, conforme o uso. O Cultivo localiza-se em qualquer região do Brasil. O mercado é excelente, pois a demanda interna é maior do que a produção, e o mercado mundial também é receptivo ao bambu.

Ficou interessado? Fica o convite, pesquise e conheça mais sobre o bambu.

X